3CE97F5D2239A2AF6BFF8F076536A584 Educação Infantil - Fundamental - Modelos de Plano de Aula e Planejamento | Atividades Escolares / Juntos pela Educação Visite-nos no Google+

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Educação Infantil - Fundamental - Modelos de Plano de Aula e Planejamento

,

 AJUDE A MANTER ESSE TRABALHO NO AR. DOE QUALQUER QUANTIA. 



 
SUMARIO

INTRODUÇÃO-----------------------------------------------------------------------------------------2

DESENVOLVIMENTO-------------------------------------------------------------------------------3
PLANO DE AULA-------------------------------------------------------------------------------------4
CONCLUSÃO-------------------------------------------------------------------------------------------5
REFERENCIAS-----------------------------------------------------------------------------------------6
1 INTRODUÇÃO
PLANEJAMENTO

O planejamento está presente em quase todas as nossas ações, pois ele norteia a realização das atividades. Portanto o mesmo é essencial em diferentes setores da vida social, tornando-se imprescindível também na atividade docente.
O planejamento de aula é de fundamental importância para que se atinja êxito no processo de ensino-aprendizagem. A sua ausência pode ter como consequência, aula monótonas e desorganizadas, desencadeando o desinteresse dos alunos pelos conteúdos e tornando as aulas desestimulantes.
De acordo com Libanêo ‘’ o planejamento escolar é uma tarefa docente que inclui tanto a previsão das atividades didáticas em termos de organização e coordenação em face dos objetivos propostos, quanto a sua revisão e adequação no decorrer do processo de ensino’’. Portanto o planejamento de aula é um instrumento essencial para o professor elaborar
Sua metodologia conforme o objetivo a ser alcançado, tendo que ser criteriosamente adequado para as diferentes turmas, havendo flexibilidade caso necessite de alterações.
Entre os elementos que devem compor um plano de aula estão:
- clareza e objetividade
- atualização do plano periodicamente
- conhecimento dos recursos disponíveis na escola
- noção do conhecimento que os alunos já possuem do conteúdo abordado
-articulação entre a teoria e a pratica
- sistematização das atividades com o tempo
-flexibilidade frente a situações imprevistas
- elaboração de aulas de acordo com a realidade sociocultural dos estudantes.

PLANO DE AULA

O plano de aula é caracterizado pela descrição específica de tudo que o professor realizará em classe durante as aulas de um período específico. Na sua elaboração alguns pontos são muito importantes como: dados de identificação do professor e da escola;
• Os objetivos a serem alcançados com as aulas que serão ministradas;
• Conteúdo que será ministrado em cada aula, o qual deve seguir uma linha cronológica do processo de aprendizagem
• Os procedimentos utilizados para a aprendizagem dos alunos, ou seja, são as fases da aprendizagem;
• Os recursos que serão utilizados para alcançar os objetivos;
• E, por último, a as metodologias de avaliação, ou seja, as técnicas avaliativas que o professor utilizará para avaliar o aprendizado do educando.
Na elaboração de um plano de aula devem ser considerados vários pontos e critérios que unidos especificam quais os objetivos finais o professor espera alcançar no decorrer da explicação dos conteúdos.
Os critérios que o professor deve estar atento durante a confecção de seu plano de aula são:
• Adequação dos estímulos;
• Especificação operacional;
• Estrutura flexível;
• Ordenação.
PLANO DE AULA

Disciplinas:
Educação física interdisciplinar com
Língua portuguesa


Objetivos
- Descrever, demonstrar e adaptar danças conhecidas.
- Conhecer seus contextos de criação e de prática.
- Identificar a gestualidade das danças e dar significados a elas.
- Reconhecer a atividade como um patrimônio cultural.

Conteúdos
- Conhecimento sobre a origem e as características das danças.
- Vivências corporais rítmicas e expressivas.
- Técnicas específicas das danças vivenciadas pelos alunos.

Ano:
4º ano.

Duração: 02 aulas (08 horas)

Material necessário
Folha de papel pardo e pincel atômico

Metodologia:
  - Registrar as informações, peça que os estudantes classifiquem os ritmos citados conforme o local da ocorrência, à época, os trajes, os participantes etc.
- Trazer CDs com músicas que os alunos gostariam de dançar
- Organizar demonstrações das danças citadas individualmente ou em grupo.
- Convidar uma parte da turma a interpretar a manifestação apresentada e discuta as diferentes opiniões.
- Distribuir a turma em grupos e organizar a vivência de três diferentes danças. Os autores das demonstrações na etapa anterior, bem como os eventuais interessados, apoiarão os colegas na aprendizagem das coreografias, uma por vez.
- Estimular a produção de novos gestos nos grupos.
- Agendar uma visita a um local onde se dança um dos ritmos
Sugeridos ou receber
Convidados para uma entrevista. Assim, os estudantes têm a chance de dialogar com eles e reconhecer outras pessoas como agentes da cultura. Os alunos devem estar preparados para fazer perguntas (Quem participa dessa dança? Como é a aprendizagem? Existem ensaios? Como ocorrem? O que significam os trajes?) e registrar as informações coletadas. Depois, ajude-os a identificar semelhanças e diferenças entre seus conhecimentos iniciais e os recém-adquiridos.

Avaliação:
Organize uma conversa com os alunos e identifique possíveis modificações nos modos como concebiam as danças estudadas. Proponha uma análise coletiva dos registros e peça que todos falem sobre eventuais mudanças no modo de ver as danças.

CONCLUSÃO:

Como podemos perceber um bom planejamento das aulas aliado à utilização de boas metodologias (músicas, aulas práticas, atividades dinâmicas, etc.) contribui para a realização de aulas satisfatórias em que os estudantes e professores se sintam estimulados, tornando o conteúdo mais agradável com vistas a facilitar a compreensão dos conteúdos trabalhados.





REFERÊNCIAS
VAGULA, Edilaine. Organização e didática dos anos iniciais do ensino fundamental: São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.
FOGAÇA JUNIOR, Orlando Mendes. Ensino de Educação Física Escolar. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.
REVISTA NOVA ESCOLA, edição: 2013.










 












0 comentários to “ Educação Infantil - Fundamental - Modelos de Plano de Aula e Planejamento ”

network

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...