. Educadores em Luta mobilizam para a assembleia do dia 15, na Praça da Sé - Atividades Escolares / Juntos pela Educação Juntos pela Educação 3CE97F5D2239A2AF6BFF8F076536A584 Educadores em Luta mobilizam para a assembleia do dia 15, na Praça da Sé - Atividades Escolares / Juntos pela Educação

Encontre aqui o que você procura

segunda-feira, 11 de março de 2013

# NOTÍCIAS

Educadores em Luta mobilizam para a assembleia do dia 15, na Praça da Sé

Boletim dos Professores da Corrente Sindical Nacional Causa Operária, Oposição à Diretoria da APEOESP defende a unidade da categoria em torno de suas reivindicações principais, contra os golpes do governo tucano e a política de paralisia da burocracia sindical



 
 
 
Na edição desta semana (105) Educadores em Luta, um chamado à mobilização para a assembleia dos professores da rede estadual paulista marcada para o próximo dia 15, sexta-feira, tendo como eixo  central a defesa da isonomia para toda categoria: salários e direitos iguais para todos os professores.
Contra a política de expropriação dos professores pelo governo tucano, é necessário mobilizar toda a categoria em defensa da equiparação de toda a categoria com os professores das escolas integrais (uma ínfima minoria para a qual o governo está pagando até 100% de gratificação) e com os demais servidores de “nível superior”, cujos salários superam em as de 100% os dos mestres.
È preciso quebrar a política de colaboração da burocracia sindical da APEOESP (PT-PSTU-PCdoB-PSOL) com o governo do PSDB, exigindo o imediato cumprimento da Lei 11;738)2008 que determina a redução da jornada em sala de aula, com  1/3 de jornada extraclasse já; com uma jornada máxima de 26 horas/aula em sala.
A mobilização unitária da categoria, junto com estudantes, pais e funcionários, é a arma para por fim do também ao verdadeiro regime de apartheid contra os “professores O”; garantindo a estabilidade no emprego e devolução de todos os direitos retirados pelo governo tucano para mais de 50 mil professores.
Após a assembleia do dia, haverá passeata até a Secretaria da Educação e, em seguida, uma  plenária estadual de Educadores em Luta - Oposição de Verdade - para impulsionar a mobilização independente dos professores, contra as traições da burocracia sindical.

Para ler e imprimir o Boletim Educadores em Luta, click no link abaixo.

Se você é professor e deseja receber o Boletim impresso para distribuir na sua Escola ou região, mande mensagem para educadoresemluta.pco@gmail.com ou solicite pelos telefones (11) 3657-5676 / 98344-0068 / (19) 8121-4234
 

Fonte:Causa Operária
Postar um comentário

network